Carregando...

Blog Neurotech

Compartilhamos nossas melhores idéias aqui.
Home / Blog / COMO O BIG DATA AUMENTA EM 20% A RENTABILIDADE NA CONCESSÃO DE CRÉDITO 

COMO O BIG DATA AUMENTA EM 20% A RENTABILIDADE NA CONCESSÃO DE CRÉDITO

big data
Precisão, agilidade e segurança são elementos chaves na concessão de crédito. Decisões mal tomadas, demora nas aprovações e falhas de segurança na análise do crédito podem comprometer a operação e, consequentemente, a rentabilidade de determinado produto.

Tecnologias atuais e informações em abundância, entretanto, podem ser grandes aliados nesse processo, se usados de maneira eficiente. Em particular, o uso de plataformas que conseguem lidar com o crescente volume de dados no dia a dia das organizações - o Big Data -, aliado a soluções de Inteligência Artificial, que conseguem tratar os clientes de forma personalizada, estão revolucionando o setor e tornando a concessão de crédito mais previsível, mais rápida e mais assertiva. Mas como isso é possível?

Com o uso inteligente das informações disponíveis. Soluções desenvolvidas com inteligência artificial são capazes de analisar um grande volume de informações em pouco tempo. O machine learning faz uma varredura neste grande volume de informações em busca de padrões e esta análise vai se tornando mais acurada com o tempo. Quanto mais processa, mais a solução aprende sobre os hábitos dos consumidores e os riscos que uma concessão de crédito pode oferecer.

Atualmente, há no mercado plataformas que utilizam tecnologia de ponta para fazer a análise de crédito. Elas permitem, entre outras facilidades, realizar a consulta em poucos segundos, diminuindo a ansiedade do consumidor que espera pela aprovação ou não da compra. A resposta rápida, inclusive, ajuda o cliente se planejar melhor e assumir compromissos financeiros com maior responsabilidade.

Eficiência gera lucro

Em uma análise de crédito tradicional, não automatizada e feita a partir de uma quantidade limitada de informações, potenciais clientes podem ser rejeitados mesmo tendo capacidade de honrar seus compromissos. Desta forma, negócios são perdidos.

Entretanto, é possível combinar Big Data com Inteligência Artificial e Machine Learning para avaliar milhões de informações públicas e abertas disponibilizadas na Internet, descobrir perfis de consumidores com alto potencial de honrar seus compromissos e ampliar a concessão de crédito. A eficiência deste tipo de solução pode aumentar até 20% a rentabilidade e ser utilizada por redes varejistas e instituições financeiras.

Toda a operação se dá a partir do desenvolvimento de um processo que realiza análises automaticamente e aprende com elas, tendo como base algoritmos que identificam padrões capazes de prever o comportamento dos usuários. E essa informação é extremamente útil para tornar a oferta de crédito mais assertiva e também para prevenir riscos. Ou seja, tornar o negócio mais lucrativo.

Automatizar um processo de concessão de crédito é eficiente?

A transformação digital é, certamente, uma alternativa de tornar os diferentes departamentos de uma empresa eficientes. Com a concessão de crédito não é diferente. Automatizar o processo utilizando Inteligência Artificial torna o acesso às informações mais rápido e o resultado da análise mais confiável.

Hoje, há casos no qual é vendedor quem faz a consulta via plataformas móveis. Com o uso de um tablet ou um smartphone ele pode verificar se existem ou não restrições e gerar um cadastro com as informações necessárias para efetivação do crédito.

Com a automação, o processo analisa grande volume de informações e oferece resultados com muito mais velocidade e precisão. Desta forma, a organização diminui o risco de inadimplência, aumenta a rentabilidade da carteira, reduz fraudes, melhora a efetividade de cobranças e fideliza clientes. Enfim, tanto a empresa fornecedora de crédito quanto o cliente ganham com a automação.

Para saber mais leia o ebook da Neurotech sobre Inteligência Artificial Aplicada aos Negócios.